segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Natalinas.

Dia 24 fui à Missa. Não sou católica, mas fui pra acompanhar a família. Chegamos em cima da hora e assistimos em pé. Eu não conhecia nenhuma liturgia, então meio que só fiquei olhando... Achei meio chato, mas gostei do sermão do padre sobre controle de natalidade. Nem sabia que a Igreja aprovava essas coisas mudernas. No fim das contas, me senti bem. Principalmente quando dei aqueeeeela alongada depois de mais de 1 hora em pé.

*****

24 de dezembro também é aniversário da minha cunhada, então me benzi, pedi ajuda a Santos e Orixás e me enfiei no shopping na véspera de Natal. Valeu me benzer, estava bem vazio.

*****

A Ceia foi aqui em casa. Preciso nem dizer que comi com uma refugiada faminta, né? E ainda teve parabéns pra cunhada.

*****

Dia 25 acordei tarde, ainda tinha muita digestão a fazer. Jiboiei.

*****

Que o Natal de todos vocês tenha sido ótimo!

5 comentários:

Marcelo disse...

Só teve um porém: desnecessária a quantidade de comida! :)

Borboletas nos Olhos disse...

Foi ótimo e vai ficando melhor quando olho e vejo que já passou...meus pés ficaram me matando (eu que cozinho aqui, rsrsr). Bjs e Boas Festas

Olivia disse...

Aqui, além das festas de final de ano, é aniversário de meio mundo! Tenho corrido para compensar, mas não paro de comer doces e frituras. Praticamente todo dia! =)
Beijos e que seu natal tenha sido maravilhoso! =)

Atitude: substantivo feminino. disse...

Valeu a tentativa mas não foi não...
Eu passei super cansada, gripada de saco cheio...ahhhh
Na boa..vontade de sumir!!!
Aff
Okok entrei para comentar, né...Foco.
FO-co.

Não tenho saco para missas.
Estudei a vida toda em escola de irmãs mas não consigo mais..chega. Gastei todas as fichas do catolicismo.

Na verdade não me apego mais a nada..

(Tô amarga, néam?)

Beijos!

Dona Mila disse...

Namolito, só hibernar agora!

Borbô, na cozinha só faço água quente. E olhe lá! Boas festas, querida!

Olívia, nem fala... semana que vem tem minha mãe, depois o meu... ai, meu fígado!

Atitude, amarga nada! Mas olha, adorei sua idéia de congelar tudo e comemorar em julho. :)